counter hit xanga
TECNOLOGIA DO FUTUROCiência do Cotidianocientíficas e tecnológicasDia a DiaPlaneta TerraTecnologiaTendência Tecnológica

5G: carros sem motoristas podem avisar uns aos outros sobre perigos usando a nova rede

Os pesquisadores disseram que um sistema de alerta precoce gerado por veículos que alerta os motoristas é viável nos próximos anos usando o 5G.

Os carros poderiam ser capazes de “falar” uns com os outros para alertar sobre perigos nas estradas usando a tecnologia 5G no futuro, de acordo com pesquisadores.

Especialistas da Glasgow Caledonian University (GCU) acreditam que o 5G pode permitir que carros sem motorista enviem mensagens uns aos outros sobre riscos como gelo ou buracos.

O trabalho do grupo de pesquisa de detecção e conectividade inteligente da GCU usando redes móveis abrange mais de 25 anos e inclui sistemas de iluminação pública, veículos, comunicação e cidades inteligentes.

Seus especialistas agora acreditam que a natureza de alta velocidade e baixo atraso do 5G aumentará a confiabilidade e a capacidade dos veículos automatizados ao ponto em que serão mais seguros do que os carros manuais que circulam atualmente.

Eles preveem que o número de acidentes de trânsito – que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, respondem por mais de 1,3 milhão de mortes e até 50 milhões de feridos em todo o mundo a cada ano – cairá drasticamente como resultado.

O Dr. Dimitrios Liarokapis , membro do grupo de pesquisa, disse: “Para ter uma ideia melhor de como será o futuro, pense em ter carros como o Tesla que não só usam sensores para escanear o que está ao seu redor, mas também podem falar com uns aos outros e trocam informações relacionadas à segurança sobre seus arredores em uma área que cobre vários quilômetros quadrados.

“Tenho certeza de que qualquer pessoa que teve uma experiência ruim em estradas congeladas teria se beneficiado em saber sobre as condições perigosas com antecedência, para que eles pudessem ajustar sua velocidade ou, se possível, até mesmo evitar essa rota completamente. O mesmo pode ser dito de buracos.

“Com a ajuda do 5G, um sistema de alerta precoce gerado por veículos que alerta os motoristas é viável nos próximos anos. Carros que estão próximos o suficiente da área de perigo irão transmitir mensagens de alerta para outros carros ao seu redor usando tecnologias de comunicação de curto alcance, mas também para carros mais distantes usando 5G, de forma rápida e confiável.

“Então, esses carros enviarão as mesmas informações para os carros próximos e assim por diante, formando uma cadeia de comunicação multi-veículo unida que se estende por toda parte.

“5G é uma tecnologia móvel empolgante, que dará um grande impulso a cidades inteligentes e veículos autônomos, entre muitas outras coisas”.

Curiosidade:

5G é perigoso?

A próxima quinta geração de redes móveis, 5G, usará ondas de rádio de frequência mais alta do que sua antecessora, 4G. O novo 5G permitirá uma transferência de dados quase 20 vezes mais rápida do que o 4G.

As ondas de rádio são radiação eletromagnética. Quanto mais alta a frequência dessa radiação, mais energia é transferida e mais potencial ela tem de prejudicar nossos corpos. Os raios ultravioleta do Sol são de alta freqüência e podem ser perigosos. Raios-X e raios gama ainda mais.

No lado mais seguro do espectro, a radiação infravermelha tem frequência mais baixa do que a luz visível, as microondas ainda mais baixas e as ondas de comunicação de rádio mais baixas ainda – o que significa menos energia e menos potencial para causar danos. As ondas de rádio 5G terão uma frequência máxima de 86 GHz, que está dentro do espectro de rádio e, portanto, é considerada segura.

Leia também sobre:

Leave a Comment